o pai.



os últimos pássaros alçam voo
a mãe dá a teta ao nenê
um silêncio fúnebre invade a casa
um pingo lacrimal tudo resume
como se toda noitinha
morresse dentro dela
o amor que se foi 
pra não mais voltar

***
Postar um comentário

Companheiros de Estrada & Amigos