asim, do nada...



de repente choro
sem motivo aparente

são tantas tristezas que vazam
são tantas as vertentes

já não sei
se creio não saber 
qual me deixa mais carente


***

Postar um comentário

Companheiros de Estrada & Amigos