segunda-feira, 1 de setembro de 2014

não somos nada neste mundo




não somos nada neste mundo

para alguns
deixamos apenas uma frase
uma ideia
um gesto
um costume
enfim
qualquer tipo de exemplo
ou
peculiaridade

sinto falta de pessoas boas

e
se alguém vai sentir a minha
há de se lembrar
também de minhas falhas

meu legado são palavras
tipo
"não somos nada neste mundo"
e
"ninguém é mais que ninguém"

aos trancos e barrancos vou vivendo
à espera não sei de quê

talvez duma história imaginária
em que qualquer pessoa seja astronauta
na pele de um semideus energético
e
simplesmente
gravite em torno dele
como inseto num facho de luz

o além
está aquém
de minha vã sabedoria

ademais
só quando se vai
desfaz-se  
a válvula motriz
de interrogações tais


***