terça-feira, 29 de abril de 2014

aos faltos de amor:



quem diz que amar não vale a pena
está esquecido até no ventre da família,
dúbio, vive solitário perdido no dilema
qual casa vazia precisando de mobília


***