simples poeminha de amor.



de todas as flores mais lindas
nasceste  para reinar
no meu jardim florido
ó ladra de desilusões findas!

se antes me perdi
por não tê-la comigo
me achei
soterrei a rudeza
brotei sensível
no teu ombro amigo
numa única certeza

e
 soube que teu amor
meu vazio preenche
no porquê de cada dia
nesta estadia no paraíso
onde de  ti preciso
pra tudo  ser-me indolor





***

Companheiros de Estrada & Amigos