sábado, 2 de julho de 2016

ao cair da noite




a lua beijou o mar

nós
num barco a vela

quatro perdidos de amor
eu
você
o mar
 e ela


longe viaja o sonho
o amor a gente sela


se o mar beijou a lua
deste canto de rua
saiba
és a pintura mais bela

no visgo dos olhares
na paixão que se revela




***
(poeminhas de minha mocidade, 1982)