teoria do amor quase impossível



de repente
um mundo de ilusões

além dele
 o abstrato
o amargo regresso

de repente
a diabólica realidade
a ilha de teus braços

de repente 
você
que nem sabe que existo
em sintonia 
num relance inusitado

te procuro
me procuras

talvez nunca
talvez hoje
vamos nos unir
sei lá

mas talvez
só as ilusões permitam
nossos passos juntos
à busca de outros sonhos
...
da probabilidade improvável

de se trombar numa rua qualquer
e
de repente
nascer o amor



***










Companheiros de Estrada & Amigos