quinta-feira, 20 de novembro de 2014

GRADE RAIL





se um dia
recostado na divisória
de idas e voltas
nesta pista sem limite
e o destino sombrio
ser-me só presságios
de ideias incineradas
na fornalha
de quereres em cinzas
e a ira  se sobrepor
a bondade resquicial em mim,
estarei observando
não inobservado...
viajarei a mil cidades
saltando as emboscadas
na velocidade da luz,
e
se lesmando
meu corpo
inatingir o objetivo
em pensares fúteis
terei a dimensão exata
de quão inúteis
são meus sobressaltos emocionais
tão desiguais
tão inerciais
quanto meus olhos
ao ônibus de saltimbancos
à direita
a carreta do circo teatral
à esquerda...
e eu no meio
sério
tentado
sem talento
a qualquer função
pra fugir da situação
que a distância não resolve
apenas absorve minha indecisão
rodando nas faixas infindas
da rodovia a lugar nenhum
de um cão sem dono.

.......................