quinta-feira, 6 de agosto de 2015

entre aspas 1.1





 "escrever é andar por estradas invisíveis
aonde só o olho interior consegue ver
a onipresente transparência dos 
próprios sentidos"



***rehgge.